Home / Imagem empresarial / A Importância dos ‘Dress codes’

A Importância dos ‘Dress codes’

No início deste ano houve uma polémica no Reino Unido devido a uma notícia de uma rececionista que foi mandada para casa por não ter calçado sapatos com 5 cm de salto. Na sequência desse caso, começou um debate parlamentar nesse país que discutiu a criação de uma lei que previne a discriminação de mulheres devido a dress codes diferenciadores para elas.

smart casual espectrum 3

Na nossa opinião, para a maior parte das empresas é muito útil e importante definir algumas orientações sobre o dress code adequado, pois afinal os colaboradores – e especialmente aqueles que estão em contato com os clientes todos os dias – transmitem a imagem corporativa, incluindo os seus valores. Porém, essas orientações não podem ser discriminatórias para um género.

A regra base é estar vestido de forma adequada para o ramo de negócio em causa e a situação ideal é ter uma imagem cuidada,
sentir-se confortável e ao mesmo tempo ter alguma liberdade para expressar o nosso estilo pessoal, de forma a transmitir quem somos. Por exemplo, se para uma mulher a ideia de usar saltos de 5 a 10 cm é uma ideia assustadora, para uma outra mulher será difícil sentir-se ela própria se não os tivesse! Afinal de contas, uma primeira impressão demora apenas 7 segundos, pelo que é essencial para uma empresa ter colaboradores que estão vestidos de forma adequada e que se sintam confortáveis com as suas roupas. Um colaborador que se sente confortável e confiante certamente terá um melhor desempenho e representa a empresa da melhor forma.

Shoes espectrum march

Na situação do dress code ‘smart casual’, um dos dress codes mais populares de momento, uma mulher que tem o estilo ‘Dramático’ provavelmente usará os seus saltos altos todos os dias, de preferência numa cor vibrante e num estilo que complementa o seu conjunto sofisticado. Ao mesmo tempo a sua colega com o estilo ‘Natural’ ficava assustada só com a ideia de usar uns saltos dessa altura e prefere umas sabrinas para combinar com um par de calças e o cabelo apanhado para não a incomodar durante o dia. Ambas estão bem vestidas para o seu ambiente de trabalho, apenas de diferentes formas.

A seguir, quem tem um estilo ‘Romântico’ provavelmente gosta de calçar um par de sapatos com algum detalhe e com um salto médio. A romântica veste roupas com detalhes femininos ou uma blusa floral e acessórios delicados. Por fim, a ‘Clássica’ vai optar por um look mais discreto e ligeiramente mais tradicional – um blazer e um vestido, saia ou calças confortáveis – combinado com sapatos semiformais. O seu conjunto é de tons sóbrios e com poucos acessórios.

Conclusão

O que veste no trabalho deve ser adequado para o ramo de negócio em que trabalha e de acordo com a sua função na empresa. A palavra-chave nos dress codes é flexibilidade. Em alguns ramos de negócios onde um dress code formal é importante, estabelecer alguns guias relativamente à indumentária pode ser relevante para evitar interpretações diferentes do que é ‘bom senso’ e assim evitar erros graves que podem prejudicar a imagem corporativa. Fora disto, deve confiar nos seus colaboradores quanto ao vestuário correto para o seu caso concreto, de forma a estarem bem representados e com liberdade para mostrar um pouco das suas qualidades e gostos pessoais. Afinal as pessoas fazem negócios com pessoas!

PartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn